sexta-feira, 28 de março de 2014

P;TRABALHANDO NOÇÕES ESPACIAS

Creche Municipal Santa Rita de Cássia


Profª: Lindalva Felix

Tutor: Odair Duarte

Data: 07/04/2011



PLANEJAMENTO

Atividade:

Soprando bolinhas.

Conteúdos:

Noções espaciais:

• Dentro e fora

Objetivos

• Adquirir noções de espaço;

• Desenvolver estratégias;

• Desenvolver habilidades motora e percepção visual;

• Desenvolver a capacidade de observação.



Tempo previsto: 30 minutos.

Local: área coberta.

Faixa etária: 3 anos.

Alunos presentes: 13 alunos.



Metodologia:

Fazer círculos no chão. Apresentar atividades para as crianças. Jogar as bolinhas para o alto e perguntar para as crianças se as bolinhas caíram fora ou dentro. Depois, pedir para que as crianças soprem as bolinhas que ficaram fora, até chegar dentro do círculo.



Material utilizado

Papel crepom

Giz





RELATO E AVALIAÇAO DA ATIVIDADE



Esta atividade foi desenvolvida no período matutino, com as crianças do maternal III turma “A”.

Teve como objetivo estimular a percepção visual, desenvolver habilidades motoras, a capacidade de observação e a noção de espaço.

As crianças iniciaram a atividade com menos entusiasmo do eu esperava, após brincar em grupo mudei de estratégia, formamos grupos de dois para disputarem quem chegaria primeiro com a bolinha no circulo,notei que a disputa entre eles chamou a atenção deles e todos participaram com muita garra e com desejo de vencer o colega.

Esta atividade será trabalhada mais vezes, por se tratar de conteúdos que a criança ira assimilar aos poucos na medida em que vai brincando.

Na educação infantil se faz necessário trabalhar atividades que estimulam a noção espacial e que faz parte da percepção visual e da fala. Sabemos que para vivermos em sociedade a estruturação espacial é essencial, é através dos espaços e das relações espaciais que nos situamos no meio em que vivemos, em que estabelecemos relações entre os objetos os quais, observamos, comparamos, combinamos, vemos as diferenças e as igualdades entre eles.

Aos três anos de idade a criança começa uma vivência corporal e passa a explorar e manipular o espaço, como ela utiliza seu corpo, como referência, só irá perceber a posição dos objetos a sua volta se tiver uma boa imagem corporal e lateralidade bem definidas, as quais vão se estabelecer por volta de seis anos de idade.

Conforme a criança vai vivenciando situações corporais ela também consegue diferenciar os dois lados do corpo e assimilar conceitos de direita e esquerda, dentro e fora, em cima e embaixo, longe e perto, grosso e fino, grande, pequeno, estreito e largo, em pé e deitado, empurrar e puxar, estender e dobrar, subir e descer, círculo, quadrado e triângulo, cheio e vazio, pouco e muito, inteiro e metade, liso e áspero, entre outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário